Review Claymore 136: Gnawing Malice


Despertadas atacando Cassandra, Pricila e Riful 2.0 se matando. Mais um dia normal no munddo de Claymore (Leia o capítulo em português)

Despertadas atacando Cassandra, Pricila e Riful 2.0 se matando. Mais um dia normal no munddo de Claymore (Leia o capítulo em português)

Olá pessoas! A partir deste mês começaremos a fazer reviews de Claymore aqui no Panda! Para quem não conhece, vou dar uma pequena explicação (que você pode pular se já sabe) e aí vamos para o Review!

Claymore, também conhecido como Berserk de saias, é um mangá de Norihiro Yagi que narra a luta das Claymores, guerreiras com poderes especiais, adquiridos por terem partes de monstros enxertadas em seus corpos, contra Yomas, monstros devoradores de gente capazes de assumir a aparência de qualquer pessoa. Esta é uma explicação bem simples e rápida sobre uma história muito rica, cheia de personagens interessantes e reviravoltas! Se você não conhece, recomendo muito que leia desde o começo ( clicando aqui). Se você gosta de fantasia medieval, lutas, intrigas e garotas bonitas arrebentando monstros, não vai se arrepender!

Wallpaper Claymore

Eu preciso mencionar de novo a parte das garotas bonitas arrebentando monstros?

No último capítulo, vimos o passado de Priscilla e sua luta contra Riful, que parecia estar em total vantagem. Contudo, descobrimos que não era bem assim, pois o que Riful estava atacando, sem perceber, era o que restava do Destruídor que ainda estava dentro de Priscilla. Com o monstro destruído, Priscilla o expele e agora está pronta para enfrentar Riful com força total. E enquanto isso, Clare, Miria e as outras, junto das Despertadas, estão na floresta enfrentando Cassandra, cuja personalidade desapareceu e que segue em direção ao combate entre Riful e Priscilla.

Priscilla pronta para o combate de verdade

Mês passado: Priscilla se livra do Destruídor. E este mês: Cassandra vs Despertadas

As despertadas atacam sem piedade, cortando o corpo de Cassandra, enquanto as Claymores observam a situação. Deneve vibra com a luta, impressionada com o ataque combinado das Despertadas e dizendo que elas não vão nem precisar interferir. Cassandra parece irritada, mas não realmente preocupada com os golpes. Já Miria parece surpresa, mas ao mesmo tempo atormentada. Helen pergunta o que aconteceu, dizendo que o plano está correndo bem e que Miria está de parabéns por ter motivado as Despertadas a lutarem ao lado delas. Na verdade, Miria está preocupada porque seu plano de verdade era trazer de volta a personalidade de Cassandra, não destruí-la desta forma.

Helen e Miria

Poxa Miria, você nunca está feliz né?

Deneve diz que isso não importa. Porque mesmo que Cassandra seja derrotada, independente de como a batalha de Priscilla vs Riful acabar a sobrevivente vai estar muito fraca, já que a força das duas se equipara, e poderá ser derrotada por elas ou por Chronos e Lars, os outros despertados que estão assistindo a luta. Isso não alivia Miria, que ainda acha que as coisas estão dando certo demais para estar tudo bem (nesta parte eu te entendo Miria).

Clare também parece preocupada. Miria pergunta o que houve e a amiga diz que sentiu o youki de Priscilla voltando ao normal, o que significa que sua batalha interna terminou, mas mesmo assim a mente de Cassandra ainda não voltou. Enquanto isso, Yuna e as outras, que tentavam sincronizar suas youkis com Cassandra, não conseguem encontrar qualquer traço da personalidade da Abissal, mas não entendem o motivo, já que o objetivo de libertar Priscilla não existe mais. Enquanto isso, a luta de Riful e Priscilla continua.

Priscilla vs Riful

Round 2: Fight!

Riful pressiona, atacando sem parar, mas Priscilla desvia sem grandes dificuldades. Riful ataca com o golpe de Dauf. Priscilla bloqueia, mas um novo golpe sai do anterior e destrói sua cabeça e seu braço! Mas antes mesmo dela cair, sua cabeça já se regenerou e a luta continua.

Observando a luta de uma distancia segura, Dae fala para Louvre sobre as Claymores. Ele diz que para ele a diferença de força entre as guerreiras depende do ódio delas pelos Yomas e o desejo da matá-los com as próprias mãos. Mesmo que elas sejam divididas entre tipos defensivo e ofensivo, no final é o ódio que conta. Por isso que a Organização passou a preferir recrutar meninas com experiências dolorosas com Yomas, e até mesmo causando estas experiências eles próprios! Nem todas aguentavam, fisica ou mentalmente, quando recebiam a carne de Yomas em seus corpos, mas ainda assim estas garotas eram diferentes das comuns.

Dae e Louvre conversam

Dae dando aulas sobre as Claymores (justo para a última pessoa que ele deveria)

Ele continua falando sobre Priscilla e como ela matou o Yoma que tomou a forma do próprio pai, Louvre diz que isso não era algo muito incomum entre as guerreiras de ranking alto. Mas segundo Dae, o caso de Priscilla foi diferente. Porque ela percebeu que quem ela estava matando não era o Yoma, mas o próprio pai!!! Dae não sabe como ou quando ela percebeu, mas o fato é que ela sabia, mas perdeu as memórias sobre isso quando virou uma guerreira, deixando apenas um ódio profundo que ela sequer sabia de onde vinha.

Dae e Priscilla

Dá até pra ficar com um pouco de pena da Priscilla

Enquanto a luta continua, Dae fala sobre como a contradição entre odiar Yomas e enxertar partes deles em seus corpos aumenta o ódio das Claymores contra os Yomas e contra elas mesmas, fazendo com que elas busquem mais poder até deixarem de ser humanas. Assim, o motivo para Priscilla ser tão forte eram o ódio extremo que ela não sabia de onde vinha e o repúdio pelo próprio corpo, que traziam a tona o poder da insanidade! (parece até Soul Eater!).

Em outro lugar, Chronos e Lars observam enquanto Priscilla tem seu corpo destruído por Riful mas continua a se regenerar imediatamente! Chronos começa a se questionar se o que ela faz é mesmo uma simples regeneração.

Chronos e Lars

Calma Chronos, tio Dae já vai explicar

Louvre também não está entendendo muito bem. É só especulação, mas Dae diz que o que Priscilla faz não é regeneração, isso é apenas a maneira como eles veem. Esta “regeneração” é na verdade a encarnação do ódio de Priscilla e que o verdadeiro poder dela é confinar esta encarnação dentro de seu corpo. Assim, ela usa este ódio para recriar seu corpo a partir do nada quando ele é destruído. Percebendo isso, Louvre diz que este é um poder que pertence aos deuses e pergunta como alguém pode derrotar algo assim! Segundo Dae, ninguém pode!

Quando Cassandra devorou Roxane ela adquiriu este poder também e se tornou parte de Priscilla, perdendo sua identidade. Ou seja, aquela coisa que está enfrentando Riful não é nem mesmo a forma completa de Priscilla! Assim, quando as duas se juntarem, assumirão sua forma  verdadeira, gerando um ser muito mais poderoso do que qualquer outro que já existiu (e como diabos a Clare e as outras vão fazer para matar algo assim, eu bem que quero saber!). E enquanto isso, Cassandra, sem cabeça, se levanta.

Cassandra se levanta

Tava preocupada porque estava muito fácil Miria? É, você tinha rasão.

As Claymores e as Despertadas observam Cassandra. Elas percebem então que tem algo saindo do peito dela, revelando sua verdadeira forma. E o que sai é Priscila!

Os ataques continuam, mas sem surtir efeito nenhum. Assim que é cortada, Cassandra se reconstrói instantaneamente (ou seja, agora ela também recria seu corpo). Enquanto Cassandra não se mexia parecia, por um momento, que elas tinham vencido. Mas Miria percebe que não e grita para todas fugirem para o mais longe possível!

Cassandra ataca

É, fugir parece mesmo uma ÓTIMA 

ideiaO ataque de Cassandra é impiedoso, devastando tudo ao seu redor, incluindo muitas das Despertadas. A maioria delas é feita em pedaços e só Octavia sobrevive, mesmo perdendo suas pernas. As Claymores escapam e Clare, saltando acima da Abissal, reconhece Priscilla, que tomou completamente o corpo de Cassandra. Mesmo frente à uma adversária tão poderosa, Claire parece pronta para atacar!

Claire e Priscilla

Hora de voltar a ser protagonista Clare!

Por enquanto é isso povo! As explicações de Dae deram uma boa luz para explicar porque dibos Priscilla é tão absurdamente poderosa! Agora vamos ver como se desenrola a batalha entre ela e Riful, que também superou os Abissais normais. E também o que Clare vai fazer agora que sua inimiga está bem na sua frente! Espero que tenham gostado do capítulo e do Review! Deixem suas opiniões e teorias!

Até mais!

Mês que vem a gente volta!

Mês que vem a gente volta!

 

 

 

 

2 Comentários

Arquivado em Mangás, Review Claymore

2 Respostas para “Review Claymore 136: Gnawing Malice

  1. Thiago

    Não entendi algumas coisas mesmo lendo o review, primeiro, como Riful voltou a vida? li varias vezes os últimos capítulos do mangá e não vi nenhuma explicação de como ela voltou.!
    Segunda, quando Cassandra devorou Roxane ela também adquiriu o poder do ódio, assim como Priscilla com seu poder de regeneração de ódio), mas eu não entendi o porque dela se tornar parte de Priscilla, não vi nenhum tipo de conexão entre elas, fiquei boiando quando vi Priscilla no corpo da Cassandra…
    Poderia me esclarecer essas duvidas?
    Agradecendo desde já!!!

    • Oi Thiago! Então… não se preocupe por não ter encontrado nenhuma explicação sobre a Riful, porque até agora não foi dada nenhuma mesmo. Ela simplesmente reapareceu depois de ter sido morta por Priscilla, depois da luta contra Beth e Alicia. Uma teoria (que é totalmente especulação de fã) é que a volta dela esteja relacionada ao Destruidor. Lembra que depois que ela morreu, Dauf pegou seu corpo e foi enfrentar Priscilla? Na ocasião ele foi contaminado pelo Destruidor. É possível que depois que ele também morreu, a contaminação pelo Destruidor tenha transformado o corpo dele e de Riful em uma nova criatura. Isso explicaria pq ela ficou tão forte e pq tb tem as habilidades do Dauf. Mas novamente, isso é só uma teoria, ainda temos que esperar uma explicação oficial.
      Quanto a Cassandra, segundo o que o Dae especulou, quando ela devorou a Roxanne, esta tinha parte da carne de Priscilla dentro de sí. Assim este pedaço da Priscilla passou para Cassandra que passou a ser controlada por ela.
      Eu mesmo boiei um pouco nesta parte da história, achei alguns pedaços bem confusos. Espero que tenha esclarecido suas dúvidas!
      Obrigado pelo comentário e por acompanhar o blog!
      Até mais!

Participe comentando e fornecendo opiniões. Nos ajude a crescer e sobretudo divirta-se!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s