Review Fairy Tail 329: Sete Dragões (Seven Dragons)


Me pergunto que tipo de aposta o Laxus perdeu para ter que passar por isso (clique aqui para ler o capítulo em português)

Me pergunto que tipo de aposta o Laxus perdeu para ter que passar por isso (clique aqui para ler o capítulo em português)

E aí povo! Para o desespero dos magos, temos uma dose extra de Dragões neste capítulo de Fairy Tail! Então vamos ver as guildas se saem na luta.

No final do último capítulo, Natsu e Rogue do Futuro se reencontraram enquanto Rogue sobrevoava a cidade nas costas de um dos sete dragões que passaram pelo portal.  Sob as ordens de Rogue, o dragão tenta devorar Natsu. Ele destrói a torre onde ele está, mas Natsu é mais rápido, saltando sobre a cabeça do dragão e investindo contra Rogue, que escapa do ataque se transformando parcialmente em sombra. Rogue  revida pelas costas de Natsu, mas este escapa do golpe. Nesta hora, o dragão vira, quase derrubando Natsu! Rogue mostra a destruição que os dragões estão causando e diz que agora tudo já está acabado! Segurando as pontas para não cair, Natsu pergunta qual é o plano do seu adversário.

Aposto que o Rogue tem algum primo dono de empreiteira...

Aposto que o Rogue tem algum primo dono de empreiteira…

Enquanto isso, na cidade, a Fairy Tail se reagrupa depois da baforada de fogo de Atlas Flame, que mesmo não sendo tão forte como Acnologia, ainda é muito poderoso! O dragão fica espantado por eles ainda estarem vivos e quando pergunta quem são eles, Marakov responde da melhor maneira possível! Que é virando um gigante e esmurrando o dragão na cabeça.

Exatamente a resposta que algumas pessoas merecem de vez em quando...

Exatamente a resposta que algumas pessoas merecem de vez em quando…

Mas mesmo com toda a sua força, o ataque de Marakov só serve para queimar a própria mão do mestre, não surtindo efeito nenhum no dragão. Atlas Flame ri, dizendo que não importa quanto poder eles tenham, nunca poderão derrotar um dragão, pois são apenas humanos. O dragão gira sua enorme cauda de fogo atacando a todos.

Para a Sabertooth, as coisas também não estão nada bem. Rufus diz que, segundo a memória dele, Sting e Rogue disseram ter matado dragões quando eram crianças. De fato, eles mataram, mas não foi exatamente como pensávamos… Sting conta que o dragão branco Weisslogia pediu para Sting matá-lo para se tornar mais forte, pois os dragonslayers aumentam seu poder ao entrar em contato com o sangue dos dragões. Já no caso de Rogue, o dragão das sombras Skiadrum estava doente.

Assim até eu mato um dragão ¬¬''

Assim até eu mato um dragão ¬¬”

 

Mesmo assim, Orga diz para eles usarem sua magia de dragonslayers para matar o dragão. Enquanto a luta continua, Sting diz que não acredita que este seja todo o poder de um dragão e Rogue diz que ainda quer proteger seus amigos.

Bem diferente do outro Rogue, o do futuro, que está contando seu objetivo para Natsu. Ele diz que sete anos atrás (para ele) o mundo foi dominado por dragões. Mas não pelos que saíram do Portão do Eclipse, e sim pelo dragão negro Acnologia, que governava o mundo sozinho, sem magos ou guildas para se oporem à ele.

Ou seja, deve ser um mundo muito bom para se viver...

Ou seja, deve ser um mundo tão bom para se viver…

Rogue conta que criou a magia de dominar dragões, mas ela não funcionou em Acnologia (ainda bem!). E foi por isso que ele voltou ao passado. Segundo ele, somente dragões podem derrotar Acnologia. Assim, se com os sete que passaram pelo Eclipse ele puder derrotar o dragão negro, Rogue se tornará o Rei dos Dragões e o mundo será dele! Ou seja, todo esse discurso foi para dizer que, no final, ele quer dominar o mundo…quanta originalidade… Só que ele se esqueceu que para isso dar certo, ele precisa dos dragões inteiros, algo que Natsu não pretende deixar tão fácil. Ele envolve seu punho em chamas e ataca o dragão! E aí a gente diz “Grande coisa, se nem o Marakov conseguiu ferir o dragão, o que esse soquinho vai fazer?” Mas não é que a desgraça do golpe funciona?!

Pobres tolos inocentes, não contaram com os poderes de protagonista do Natsu

Pobres tolos inocentes, não contaram com os poderes de protagonista do Natsu

Rogue não acredita no que acabou de acontecer! E nesta hora Natsu enche os pulmões e grita, para todos os magos ouvirem, que a magia dos dragonslayers pode matar os dragões! Poxa vida…Que bom capitão Óbvio! Afinal, vocês se chamam Matadores de Dragão né, então é o MÍNIMO que a gente esperava!😄 Enfim… o importante, é que este é o momento para o qual os dragonslayers foram feitos e agora é a hora deles lutarem, e colocarem os dragões abaixo!

Só não queira estar por perto quando eles caírem

Só não queira estar por perto quando eles caírem

Os dragonslayers escutam o discurso de Natsu e entendem a mensagem. Laxus, Wendy, Gajeel, Sting, Rogue (do presente) e Natsu, mesmo cansados e machucados estão prontos para o combate. Mas, espera… não eram sete dragões? Rogue do futuro diz para Natsu conferir suas contas, afinal eles estão com falta de um dragonslayer! Mas em vez de se preocupar, Natsu sorri e diz que pode sentir. Em outro lugar, Doranbolt parece exausto, pois parece que veio de um lugar distante, e trazendo uma pessoa. Lahar conta para esta pessoa que os dragões estão atacando a cidade. A visitante diz que pode ouvir. Doranbolt admite que eles foram forçados a pedir ajuda, mas parece não estar gostando nada disso. Pudera, pois a pessoa que eles trouxeram não é ninguém menos do que Cobra, o dragonslayer do veneno e ex-membro da guilda das trevas Oración Seis!

Eu admito, nem lembava da existência desse cara!

Eu admito, nem lembava da existência desse cara!

O capítulo termina com a chegada de Cobra, que arma o palco para a luta dos sete dragonslayers contra os sete dragões. Mas preciso confessar que eu não gostei muito desta história de só os dragonslayers poderem ferir os dragões. Eu sei que faz sentido, mas acho que seria muito legal ver todos os magos lutando juntos e mostrando sua força conta estes inimigos, no lugar de vermos apenas alguns fazerem todo o trabalho. Outro ponto importante é que apesar de serem sete dragões, o total de inimigos é de oito, pois Rogue do futuro não vai ficar parado vendo seus dragões serem derrotados. E não vai fazer sentido nenhum o Natsu consegui lutar contra Rogue e contra um dragão ao mesmo tempo, sendo que ele já levou uma surra do Rogue sozinho! Espero que algum outro mago se encarregue do Rogue do futuro. Por fim, achei bem legal o Mashima se lembrar do Cobra e colocá-lo em cena. É sempre legal ver personagens antigos voltando hehe.

E só para lembrar, esta semana não deve ter capítulo de Fairy Tail. Mas dia 10/05 o mangá deve estar de volta!

Até mais!

Sabendo do poder do Acnologia, eu até entendo o Rogue estar fazendo tudo isso. O futuro dele não deve ser legal...

Sabendo do poder do Acnologia, eu até entendo o Rogue estar fazendo tudo isso. O futuro dele não deve ser legal…

2 Comentários

Arquivado em Review Fairy Tail

2 Respostas para “Review Fairy Tail 329: Sete Dragões (Seven Dragons)

  1. anonimo

    Veey o natsu nao vai lutar contra dois ao mesmo tempo no fim do ep ele ja começa a bater no dragão que o rogue estava …

    • Digamos que o Natsu vai ter um encontro bastante inusitado com um dos dragões, que foi uma das coisas mais legais deste arco na minha opinião hehe
      Obrigado pelo comentário!

Participe comentando e fornecendo opiniões. Nos ajude a crescer e sobretudo divirta-se!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s